Obra prima espanhola: da Ribera del Duero, claro.

lContratando os serviços da Rutas del Vino, em Madri, fomos em 2012, satisfazer uma vontade de conhecer a Meca dos vinhos de alta qualidade (claro, está bem, é apenas mais uma das regiões dos grandes vinhos espanhóis, não a única): Ribera Del Duero. Mais especificamente, com as dicas da Cristina e tendo Jaime como guia, saímos com um automóvel, de Madri para Aranda deDuero. Ah, mas, vocês precisam conhecer a Espanha. É um deleite total. História pura. Gastronomia estimulante (cuidem-se). Bem, voltemos à Aranda. Cidade toda entremeada de túneis que ligam lojas, carnicerias, bares, de tudo. Aqueles barezinhos carregados de tapas, onde o espanhol sabe aproveitar a vida. No caminho uma curiosidade: o sistema de plantio das uvas. Lá chegando fomos a algumas bodegas, mas, quero destacar a Bodega Val Sotillo . O sistema de guarda das barricas, ainda no método tradicional, fica nas tais cavernas – ou túneis – conforme pode ser visto no vídeo, nas colinas, escavadas há mais de 200 anos. Depois das degustações, ganhamos uma garrafa e levamos de volta para Madri (Aranda fica ha mais ou menos, 120 km). Pedi um lanche (no bom sentido), ao provar o vinho que havia aberto em Aranda, precisei ficar de joelhos. Estava um nectar. Até hoje, tenho saudades desse maravilhoso vinho, ou nectar, que, infelizmente não era encaminhado ao Brasil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s